Tipos de Corpo - O que usar ? O que não usar ?

Oi Fashions!
Para acertar nas produções não basta ter apenas bom gosto, é necessário acima de tudo conhecer seu estilo e seu corpo, assim você consegue criar um look perfeito. Com uma produção bem escolhida podemos parecer mais magra, mais alta ou curvilínea.
É importante obedecer as suas proporções, como?

Simples! basta comprar as roupas na sua numeração, nada muito largo ou apertado demais. Experimente as roupas na hora de comprar, calças confira se o comprimento está correto ou se é necessário ajuste de barra por exemplo. Blusas precisam ter um caimento bonito, roupas com muitos detalhes pedem mais atenção.
Trouxe para vocês um guia com exemplos dos chamados Biotipos, eles vão auxiliar no que você pode apostar e o que deve evitar .



Para descobrir seu tipo olhe no espelho e imagine uma forma geométrica e
analise em qual você se ancaixa


Retângulo – Os ombro, a cintura e os quadris são da mesma proporção.
Você precisa “criar” formas, dando uma ilusão de cintura. Mostre o colo que geralmente é bonito com decotes em V ou U, eles disfarçam a atenção voltada para o resto do corpo.
Abuse de : Cintos acima da cintura, tecidos com textura, casaquinhos curtos acinturados, saias que dêem mais volume ao quadril como as rodadas, vestido com cintura mais baixa e demarcada.
Evite : Roupas largas demais, estampas exageradas, golas altas calças com pregas ou que aumentem o volume da cintura, blusas presas ao quadril com elástico, trench coat reto e cheio de bolsos.


Oval - A cintura é maior que o quadris e os ombros, as outras partes do corpo tem forma arredondada.
É necessário disfarçar a barriga e deixar a mostra o colo, os braços e as panturrilhas que dão a ilusão de alongar o corpo.
Abuse de : Decotes grandes U ou V e largos como o modelo canoa, túnicas, camisas até a metade do quadril, saias e calças retas, looks monocromáticos, vestidos com corte abaixo do busto retos ou chemise até a altura dos joelhos, tecidos mais encorpados, brincos e anéis fashions.
Evite: Tomara que caia-principalmente se for de lycra- cintos e faixas, calças com barras afuniladas, decotes profundos em V, tecidos volumosos, bolsos e botões exagerados, leços no pescoço, listras horizontais, saias vestidos ou shorts curtos (pois eles encurtam as pernas e aumentam o volume do quadril).


Ampulheta – As curvas são suaves, os ombros e quadris tem a mesma medida e a cintura geralmente é fina dando uma ilusão de corpo violão.
Abuse de: Vestidos transpassados acinturados, regatas ou blusas de mangas curtas e justas, tecidos maleáveis e de caimento leve, calças retas e de cintura baixa, saias mais justas – sem exagerar – faixas, cintos médios e finos, poucos acessórios.
Evite: Roupas muito soltas ou retas de mais que atrapalham a área da cintura, criando volume. O mesmo para os ombros. Blusas amarradas ao pescoço, peças estruturadas, pregas, saias volumosas, blusas curtas e casacos sem cintura.


Pêra – Os ombros são estreitos, a cintura é pequena e os quadris largos.
Você deve chamar a atenção para os ombros e demarcar a cintura, onde vai proporcionar o equilíbrio com o quadril. Isso fará seu corpo parecer mais esguio.
Abuse de: Estilo reto, mangas bufantes, decotes e detalhes horizontais, blusas acinturadas, sais levemente afuniladas, tecidos firmes, casacos mais curtos, salto alto, brincos chamativos.
Evite: Calças e sais que dêem mais volume ao quadril (como pregas, sarouel ou que tenham bolsos volumosos), roupas curtíssimas, camisas de punhos largos, decotes profundos em V.


Triângulo invertido – Os ombros são mais largos que os quadris, as costas são largas e as pernas longas e finas
Os ombros precisam parecer menores e as pernas devem ser velorizadas.
Abuse de : Blusas em tecidos como viscolycra, decotes estreitos e profundos,
Detalhes verticais como cachecóis e encharpes, blusas com babados na barra, vestidos e sais evasês, mangas de punho amplo, calças de cores fortes.
Evite: Decotes canoa, estampas grandes e coloridas, tecidos estruturados, roupas muito justas, calças afuniladas, bolsas de alças curtas, cintura alta, brincos grande e colares curtos.

Gostou?
Tem dúvidas?
Quer agendar uma consultoria ?
Deixe seu comentário ou entre em contato através dos e-mail: lu@imagemeestilo.com

Kis.
(imagens: revista manequim.com/melhoramiga.com)

Um comentário:

Eduardo Mozart de Oliveira disse...

Passei a ajudar minha mãe com o Brechó e um amigo (que fornece alguns shorts jeans customizados) comentou com uma cliente sobre os tipos de corpo, o que me motivou a procurar este post. Achei interessante justamente por que é algo que pode ajudar as clientes escolherem a melhor roupa :D
Obrigado Lu! Vou seguir o blog para acompanhar o que vem de novo e vou dar uma lida nos posts antigos também!